Diagnóstico de Cidades Brasileiras

Nesta fase do projeto buscou-se conhecer o panorama nacional dos municípios com relação aos temas do projeto e proporcionar a escolha de três cidades para participarem dos projetos piloto.  Para a seleção dos municípios, foi realizada chamada pública nacional, a qual teve a inscrição de 130 municípios de 21 Estados, entre os quais, 67 mostraram interesse na participação de forma ativa, isto é, sendo potenciais candidatos para a escolha das cidades piloto.
Entre as 67 cidades participantes de forma ativa, 32 municípios de 15 estados se encontravam na faixa alvo do projeto, municípios entre 200.000 e 2.000.000 de habitantes.
Foram escolhidos 20 dos 32 municípios para participação de entrevista em profundidade com a equipe do projeto, de acordo com os critérios estabelecidos na metodologia do projeto, sendo eles:
•Curitiba – PR     •Duque de Caxias – RJ      •Florianópolis – SC      •Foz do Iguaçu  – PR      •Goiânia – GO        • Itaboraí – RJ      • Jaboatão dos Guararapes – PE      •João Pessoa – PB      •Limeira – SP    •Campo Grande – MS   Londrina – PR      •Niterói – RJ      •Palmas – TO      •Parauapebas – PA      •Ribeirão das Neves – MG    •Rio Branco – AC      •São Carlos – SP      •Sorocaba – SP      •Blumenau – SC      •Volta Redonda – RJ
A fase das entrevistas deu subsídios para a escolha das três cidades piloto. Para a escolha das cidades piloto foram considerados os seguintes critérios:
Experiências com programas anteriores relacionados a eficiência energética e hídrica de edifícios, mobilidade urbana e geração distribuída;
Existência de equipe capacitada, mobilizada e disponível para implementar os projetos piloto; Genuíno interesse e vontade política de implementar políticas de estado para a eficiência energética e hídrica de edifícios, mobilidade urbana e geração distribuída;
Autorização para publicação de dados e resultados do projeto.
Para cada um destes requisitos foram estabelecidos critérios de avaliação conforme metodologia definida no projeto. A etapa de entrevistas foi muito importante para o fornecimento de dados com relação a forma em que estão sendo abordados os temas do projeto no panorama nacional. Queremos agradecer a participação dos municípios na fase das entrevistas, salientando a importância da participação das cidades nessa etapa e parabenizamos os municípios escolhidos como cidades piloto nesta fase do projeto que foram:

• Jaboatão dos Guararapes – PE               • Sorocaba – SP             •Florianópolis – SC

Todos os dados levantados durante as fases de chamada pública e entrevistas estão sendo analisados e constituem um banco de dados nacional de ações e projetos dos municípios brasileiros nas áreas de eficiência energética e hídrica, geração distribuída e mobilidade. O resultado deste estudo será divulgado nas próximas semanas, e representará uma contribuição do projeto em disseminar informações e ações para reduzir as emissões de carbono.  As próximas atividades do projeto, serão definidas em conjunto com cada um dos municípios selecionados, estabelecendo assim o escopo de assessoria técnica individualizado. Mais informações serão disponibilizadas no site do projeto ao longo dos próximos meses.